SITE EM REESTRUTURAÇÃO

precariosinflexiveis Julho 31, 2017

A empresa MeshPorto faz design e software há mais de 20 anos e está sediada no Porto. Faz coisas modernas como sites e apps para os telemóveis e tablets, mas também faz coisas antigas, como anúncios de trabalho sem querer pagar salário.

Há dois dias a MeshPorto publicou uma oferta de “estágio” com um salário entre os “0,00€ até 1,00€ /mês” – juramos que não estamos a inventar isto.

Como de costume nesta situações, o anúncio de estágio para além de ser não remunerado, o que é ilegal, pede, na verdade, um trabalhador a full-time com enormes habilitações como “com conhecimento em Adobe CC e capacidade criativa, bom domínio da língua Inglesa” e ainda ” domínio em 3D e Adobe After Effects”.

E, também como de costume, prometem que depois a situação se resolverá: “Estágio de no máximo 2 meses com possibilidade de vir a integrar os quadros da empresa em curto espaço de tempo.”

Esta oferta de estágio não remunerado é ilegal e estamos certos que os clientes da MeshPorto, assim como a ACT, não vão gostar nada de saber das péssimas práticas laborais da empresa.

Facebook da MeshPorto.

Oferta de estágio aqui e printscreen em baixo para que não fuja.

Capturar2

Facebooktwittergoogle_plusredditlinkedintumblrmailby feather

Leave a comment.

Your email address will not be published. Required fields are marked*