Prosegur exige 400€ a desempregados para acederem a empregos no aeroporto | Testemunho

Recebemos este testemunho sobre uma prática inaceitável pela parte da multinacional de segurança Prosegur que faz negócio com o recrutamento de desempregados:

“Fui à sessão de recrutamento da prosegur para vigilante aeroportuário, com muitas pessoas presentes, depois levamos uma injeção da história da Prosegur que é uma empresa estável blá blá blá, de repente no meio da conversa pediram 300 euros às pessoas presentes para entrar na formação e depois teriam de pagar 100 e tal euros para processos administrativos e documentos. Ficou tudo surprendido, porque o anúncio diz que a formação é gratuita e não acho justo desempregados a terem de andar a pagar formações para depois ir trabalhar. A prosegur tem um contrato milionário com o aeroporto e podia perfeitamente oferecer essas formações e não fazer publicidade enganosa como diz o anúncio.”

O anúncio em questão pode ser visto aqui.

prosegur

Facebooktwittergoogle_plusredditlinkedintumblrmailby feather

7 Replies to “Prosegur exige 400€ a desempregados para acederem a empregos no aeroporto | Testemunho”

  1. Eu estou a fazer esse curso, completamente gratuito. Não nos foi pedido dinheiro nenhum. Garanto que esta informação é falsa e só pode ser com o intuito de denegrir a imagem da Prosegur. Durante os meses de Julho e Agosto a formação é gratuita. A partir desse período é o valor normal, que é 300,00€.

    1. Em qualquer período qualquer valor é anormal. Se é recrutamento para contratar trabalhadores, qualquer formação posterior à contratação é da responsabilidade financeira da entidade patronal, cabendo ao trabalhador frequentá-la para poder exercer a atividade condignamente.

      1. Nunca ouviu falar de “investir em formação”? A formação que eles dão é com o intuito de ter autorização da PSP (que obriga a tê-la) afim de da mesma nos dar o cartão profissional. Com este cartão podemos trabalhar em qualquer empresa de segurança privada. Não apenas na Prosegur. Se se informar acerca desta área em específico da vigilância, verá que em todos os lados esta formação é paga. É como tirar a carta de condução de passageiros para poder desempenhar a função de motorista de transportes públicos. Ou como tirar o CAM para poder desempenhar a função de motorista de táxi.

  2. Eu vi o anuncio em que davam formação para vigilante, inscrevi-me e nao paguei nada.
    De seguida, tirei a formação de apa-a (vigilante aeroportuário) e também nao paguei nada. Nem eu, nem os meus colegas.
    Nunca nos pediram “montante” nenhum, só pagámos os documentos necessários e no final o cartão do Mai. Não percebo como lhe pediram esse montante

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *