SITE EM REESTRUTURAÇÃO

precariosinflexiveis Setembro 3, 2012
Divulgamos aqui na integra uma denúncia que recebemos do que está alegadamente a acontecer na contratação da Nokia Siemens Networks em Alfragide:
Foto: thecellphonejunkie
«Venho por este meio dar a conhecer uma nova Empresa de Trabalho Temporário (Upgradem) do grupo Multipessoal, que opera na contratação de trabalhadores para projetos na Nokia Siemens Networks em Alfragide.
Fui seleccionado para incorporar um projeto na multinacional Nokia Siemens Networks, mas quando me foi apresentado o contrato de trabalho, fiquei estupefacto com o seu conteúdo.
Mas vou por partes:
1) Na entrevista preliminar, a primeira na ETT, é divulgado o valor mensal liquido (485 euros) + € 6.05 de subsidio de alimentação, para 8 horas /dia, 40 horas semanais, em regime de turnos rotativos (fim-de-semana, feriados e noites)

2) Os horários de laboração dividiam-se em 3:
07 às 15 horas
15 às 23 horas
23 às 07 horas do dia seguinte.
3) Apesar de ser um vencimento precário para desempenhar funções de técnico especialista em telecomunicação (monitorização de redes moveis), fiquei ligeiramente mais tranquilo (pensava eu) sabendo que trabalhando por turnos rotativos (fim-de-semana, feriados e noites) receberia mais dinheiro, mas quando vou assinar o contrato, sou confrontado com o facto de o valor da remuneração mensal ser sempre o mesmo, faça noites, fim-de-semana, feriados, etc…ficando-se sempre pelos 630 euros (+/-).
4) Mais, na eventualidade de haver uma promoção (ex: lugar de chefia), o valor da remuneração mantinha-se o mesmo, ou seja, aumentavam as responsabilidade em troca do mesmo vencimento.
Resumindo, não assinei o contrato, alegando a ilegalidade dos termos da remuneração para o trabalho nocturno, feriados e fim-de-semana.
Facto que preciso de trabalho, estou sem subsidio de desemprego há 4 meses, tenho dois filhos, uma com quase 2 anos outro quase a nascer, pelo que este emprego, mesmo mal pago me faz falta. Mas não vou partir a espinha vergando-me a parasitas que pretendem enriquecer à minha custa e de tantos outros.»

Facebooktwittergoogle_plusredditlinkedintumblrmailby feather

9 thoughts on “Testemunho: Nokia Siemens Networks contrata através de Empresa de Trabalho Temporário

  1. Se, por um lado, as condições salariais não são brilhantes; por outro, ninguém é obrigado a aceitar! É a lei da oferta e da procura e as empresas naturalmente que oferecem sempre o mínimo possível, especialmente em posições transacionais como monitorização de redes. Acho que pessoas com maiores ambições devem ver este tipo de posições como portas de entrada para uma grande multinacional onde haverá algumas oportunidades para colaboradores cujo desempenho, atitude e profissionalismo se distingam.
    Boa sorte!

  2. Infelizmente conheço bem a politica de NSN e posso afirmar que não se trata de uma lei de mercado de oferta e procura mas sim de uma exploração baseada no principio “não interessa a qualidade, apenas interessa que seja barato”.
    Como “mensageiro do diabo” é utilizada a upgrade para contratar a preços de terceiro mundo para posições que de transitório tem pouco e de elevada responsabilidade. Quanto à integração numa grande multinacional isso e ficção. Na verdade as contratações são unica e exclusivamente para preencher vagas a preços de saldo e quando as pessoas já não são necessarias são despedidas (conheço vários casos). Mas o que mais surpreende são as ilegalidades cometidas, como o não pagamento de horas extra, turnos, noite, fins de semana, etc e o clima de medo que criam a quem exigir o que é de direito. Nobre a posição tomada por todos aqueles que recusem tais condições pois estão a lutar pelo bem comum. Só posso pedir a todos os que estão nestas condições que denunciem, sem medos, porque quem não esta a cumprir é a upgrade e a NSN.

    1. Pagam essa vergonha devido a haver a crise que há com o intuito de se aproveitarem de pessoas que realmente necessitam e que não podem dizer que não … A questão aqui não é quem aceita tem culpa …. è não haver nenhuma entidade que regule estas situações e proteja os trabalhadores e só haverem orgão e entidades especializadas em defender os interesses destas empresas mesquinhas ….
      querem enriquecer às custas de pessoas com competências….
      Quem aceita é porque está desesperado e tem contas para pagar e possivelmente não tem os paizinhos a lhes pagar as contas ….

  3. Eu chamo a isto a escravatura do sec. XXI, pagam-nos uma miseria que mal dá para sobreviver e as empresas de outsourcing vão enriquecendo à nossa custa. Elas pagam-nos uma ninharia mas os valores que elas recebem pelo nosso trabalho é bem elevado (um desgraçado trabalha e os outros é que recebem)
    Eu acho que a culpa desta situação cada vez mais vergonhosa é do nosso governo que permite estas situações de trabalho precário e a este tipo de contratações. Ora se eu trabalho para a empresa ‘X’ o que é que tem de vir uma empresa ‘Y’ meter-se no meio e receber o fruto do meu esforço e empenho?
    É necessário acabar com esta exploração e pôr fim a estas empresas parasitas.

  4. Essa upgradem desapareceu do mapa. Uma vez respondi a um anúncio, acho que nem 5min passou e já estavam a ligar-me. Ofereceram-me acho que 600e mais sub alimentação, eu eng radio com experiência, claro que os mandei logo pastar.

Leave a comment.

Your email address will not be published. Required fields are marked*